Sociologia_ Papéis Sociais

Publicado: julho 2, 2010 em Sociologia

 – SISTEMA DE VALORES, PAPÉIS E AGÊNCIAS DE INTEGRAÇÃO SOCIAL: A IMPORTÂNCIA DA FAMÍLIA

PAPÉIS SOCIAIS 

 Também são constituídos por imperativos funcionais, que por sua vez estão inter ligados a contextos, os quais representam os papéis que cada um de nós tem na sociedade, e a forma como os desempenhamos dentro do sistema.

 

PAPÉIS SOCIAIS

 

ADAPTAÇÃO………………………PROFISSÃO/ACTIVIDADE

 Papel desempenhado na sociedade por nós que nos permite sobreviver;

 

PROSSECUÇÃO DOS OBJECTIVOS……………………..CIDADANIA

 Está relacionado com o papel que cada um de nós desempenhou ao eleger um Líder  – ou seja o governo foi legitimado pelo nosso voto;

 

INTEGRAÇÃO…………………………..CUMPRIR A LEI

 A forma como cada um de nós se integra na sociedade em que vive, cumprindo as leis que o próprio sistema lhe impõem;

 

Ainda dentro dos Papéis Sociais, Parsons define 3 conceitos extremamente importantes, que são a FAMÍLIA  – VALORES – PAPEL SOCIAL, chamando-lhes de Agentes de Integração Social, e define cada um deles de uma forma muito clara.

 – Parsons diz,

– Fala do Papel Social e da relação que existe entre eles. Os Papéis são interiorizados através da Socialização, esta forma de interiorização dos sistema de valores é extremamente importante, para que haja uma harmonia e consonância dentro do Sistema Social evitando desta forma os conflitos.

 – diz ainda que cada um de nós tem a percepção dos nossos limites no desempenhar desses Papéis.

 – Salienta também que o papel é uma unidade imprescindível do Sistema Social.

 

Os AGENTES DE INTEGRAÇÃO SOCIAL, são definidos da seguinte forma:

Família – A família, é um A .I .S, ela vai ser responsável pela forma como nós interiorizamos os papéis presentes e os papéis futuros.

 – A família é um A .I .S, pois é responsável pela transmissão de valores, tais como a Família – Escola – Igreja – Média.

 – Para Parsons o A .I .S, mais importante é a Família e atribui-lhe dois tipos de expressão – Expressão afectiva –  que está intrinsecamente ligado à Mãe e a Expressão instrumental  – intrinsecamente ligada ao Pai.

 – E Parsons, ao considerar a Família, como o mais importante e principal o A .I .S, focaliza-se no estudo pormenorizado da Família nuclear americana.

 

 – Esta família nuclear Americana, continuava a ter a seu cargo o sistema de valores, mas com uma transformação, algumas das funções que a família tradicional abastada, outrora tinha como a educação Escolar dos seus filhos no interior da sua casa – Os pais mais abastados contratavam professores para ensinarem os seus filhos nas suas próprias casas, era esse o tipo de aprendizagem, mas como muitas destas famílias começarão a localizar-se nas grandes cidades o processo de aprendizagem alterou-se completamente as crinças, começaram a ter como A.I.S as Escolas Públicas onde todas as crianças das grandes cidades aprendiam.

 

 – Parsons, diz ainda que a Família, tem uma Expressão afectiva e uma Expressão instrumental. E são definidas da seguinte forma:

Expressão afectiva – Tem a ver com os afectos e a mãe é a principal responsável;

  Expressão instrumental – Tem a ver com o Pai, e com a satisfação de necessidades de carácter material.

 

 – Ainda na FAMÍLIA, Parsons, diz, que é um Sistema Aberto, Conjugal e Multilinear.

 – Sistema Aberto, porque a Família Nuclear Americana, acaba por se construir com o passar do tempo, está sempre receptiva a colher novas formas de integração no sistema.

 – Conjugal- O amor moderno, surge na família nuclear, passa a ser esta a característica fundamental. Efectivamente a família constitui-se através da união de 2 indivíduos que partilham o seu espaço e  o mesmo núcleo;

 – Parsons, diz ainda que há uma característica que vem da família Rural – Ex. Os membros dessa família, como as filhas, quando constroem a sua vida normalmente ficam a viver nas imediações dos seus pais.

  Multilinear, Significa que as duas famílias, Multilinar e Patrilinear, são identificáveis, tendo o mesmo valor simbólico tanto no lado da mãe como do lado do pai.

 

Na Escola Parsons diz que: Na fase das crianças irem para a escola o papel afectivo que outrora era dado pelas mães, passou a ser dado pelas professores e especialmente na escola primária. À medida que iam progredindo na escola, as crianças, podiam ter alguns professores/as que se aproximavam da esfera afectiva.

 – Na Universidade, os jovens eram preparados para terem uma forte Expressão Instrumental – É certo que nesta altura o papel afectivo que escola tinha passou a ser substituído pelo papel instrumental.

 

 – Estes A.I.S, também eles são considerados subsistemas do próprio sistema e estão em  interacção  permanente uns com os outros.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s